Inbound Marketing
Blog > Inbound Marketing

Como criar conteúdo pensando em compartilhamento!

terça-feira, 13 outubro 2015

Aqui no Blog, já falamos sobre o quão importante é investir em conteúdo de qualidade para o seu site, já que ele é uma ferramenta ímpar para te ajudar a construir público, fidelizando clientes e aumentando a notoriedade e lembrança da sua marca.

É claro que, além de criar conteúdo,  todas essas coisas lindas só vão acontecer se ele estiver chegando ao seu público-alvo – e existem diversas estratégias de marketing digital para fazer com que o seu conteúdo seja encontrado. Nós, aqui da K2, estamos sempre falando sobre a importância de realizar estratégias de SEO, por exemplo, e também sobre os resultados incríveis (e super rápidos!) que uma boa campanha AdWords pode trazer para o seu negócio se você quer investir em marketing de busca.

Mas, além de tudo isso, existem alguns truquezinhos que podem ser aplicados diretamente no seu conteúdo para torná-lo mais interessante, inteligente, divertido e, consequentemente, mais propício a ser compartilhado! Se você já está investindo em conteúdo de qualidade, nada mais justo do que fazer com que ele seja visto, né? E o melhor: sem gastar nada a mais por isso! (:

Como criar conteúdo compartilhável

Como assim, compartilhar conteúdo?

 

Antes de começarmos com as dicas, é importante deixarmos claro que, quando falamos em compartilhar conteúdo, não estamos falando somente de compartilhar no Facebook. Ah, e tampouco estamos falando sobre as taxas de compartilhamento das postagens da sua Página do Facebook, beleza? Aqui, estamos falando do seu conteúdo mesmo, seja ele as postagens no blog da sua empresa, recursos e ferramentas que você disponibiliza para captar clientes ou acessos, infográficos, e-Books, vídeos de aulas, palestras, enfim – qualquer material que você queira fazer ser visto.

Dessa forma, as dicas que vamos listas aqui buscam aumentar o número de compartilhamentos espontâneos de pessoas que realmente acharam aquilo o que você oferece legal e relevante, e que, portanto, querem que mais pessoas tenham acesso ao seu conteúdo: seja compartilhando via Facebook, Twitter, Tumblr, Pinterest ou qualquer outra rede social, ou mesmo linkando o seu material em postagens de blogs, listagens e etc. Se o seu conteúdo está sendo, de alguma forma, compartilhado, estamos no lucro! (:

Dica #1: Conteúdo Importa (e o título dele também!)

 

A gente não vai se estender muito falando sobre a importância de se investir em conteúdo de qualidade porque esse já foi um assunto bastante trabalhado aqui no Blog; na categoria marketing de conteúdo, mesmo, você pode encontrar diversos textos nesse âmbito. Assim, partindo da ideia que você já está produzindo um conteúdo original, relevante e de qualidade, a gente vai citar aqui só uma ideia pra justificar a importância disso quando falamos de criação de conteúdo compartilhável: se o seu conteúdo é legal, as pessoas vão querer compartilhá-lo porque seu conteúdo faz com que elas demonstrem sua inteligência e seu interesse por um determinado assunto!

Agora, sobre a maneira que você chama o conteúdo: O título e a maneira que você chama o conteúdo, em geral, é muito importante. Afinal, quando compartilhado – especialmente nas redes sociais, tudo o que as pessoas verão é o título e, talvez, uma imagem relacionada. Para atrair as pessoas, é preciso que ambos sejam únicos, magnéticos e muito bem trabalhados – o que nos leva para a dica número dois:

Dica #2: Imagens Incríveis são Incríveis! (:

 

Não dá pra ignorar, especialmente na internet, que a grande maioria das pessoas é extremamente visual, então pensar bem nas imagens que serão utilizadas é muito importante. A primeira coisa que vai atrair a atenção das pessoas é a imagem, depois o título do artigo, e só depois o conteúdo. Não importa o quão bom e relevante o seu conteúdo é: se a sua apresentação dele não for atraente também, as pessoas não vão se sentir compelidas a acessar o seu site e conferir aquilo que você tem para oferecer!

Alguns cuidados são importantes: A maioria das redes sociais, por exemplo, são praticamente compostas por um mundo de imagens. É importante que você faça uma pesquisa para descobrir que tipo de imagens dão bons resultados em termos de conversão de cliques e produzi-las de acordo com o seu conteúdo. Também é importante ser cuidadoso em relação aos direitos autorais das imagens utilizadas. Dá uma conferida nesse post para entender tudo sobre as soluções que você pode utilizar para fugir de problemas com direitos autorais e afins.

Dica #3: A Experiência do Usuário também Importa!

 

Então, alguém viu um link para o seu conteúdo em algum lugar – achou interessante, entrou no seu site para saber mais. É imprescindível que o seu site esteja preparado para recebê-lo bem (primeira impressão é tudo, lembra?): Garanta que seu layout é limpo, atraente, funcional, e, acima de tudo, que ele converse com o seu conteúdo. Se você disponibiliza artigos, seu layout precisa ser otimizado para privilegiar uma leitura agradável; se são imagens, a galeria deve ser funcional e atraente, enfim.

Outra coisa que você precisa garantir é que seja fácil compartilhar seu conteúdo. Seu site pode disponibilizar diversos botões de compartilhamento, por exemplo, tanto para as redes sociais mais populares quanto para incorporação em layouts e posts diversos de forma direta. Quanto mais você simplificar essa ação, melhor!

Dica #4: Sem medo do Imperativo!

 

Nada melhor do que ser direto sobre aquilo que você quer, não é verdade? Como, nesse post, queremos aumentar o número de compartilhamentos do seu conteúdo, quando dizemos que você não precisa ter medo do imperativo, queremos dizer: Quer mais compartilhamentos? Peça por eles!

Não tenha medo de conversar com o seu público em seu material; deixar uma mensagem, ao fim, dizendo “Gostou? Compartilhe!”, ou mesmo pedindo novas ideias de conteúdo, comentários e feedback sobre o que eles acabaram de ler é sempre muito positivo. É claro que, para o seu pedido ser relevante, seu público precisa gostar daquele conteúdo, mas isso não é problema se você está trabalhando com conteúdo de qualidade! (: Resumindo: não tenha medo de interagir com o seu público e calls-to-action são seus amigos!

Dica #5: Networking

 

Essa é uma dica que pode levar um pouco de tempo para ser colocada em ação de forma efetiva, mas que vai te dar muitomuitomuito resultado. Confia!

Uma coisa que a gente tem que ter em mente é que, hoje em dia, ninguém consegue sucesso sozinho. Se você não tem contatos com os quais você gostaria de trabalhar em conjunto, desenvolvendo projetos, parcerias, e agregando conhecimento, já passou da hora de desenvolver essa lista. Com as parcerias certas, torna-se muito mais fácil divulgar o seu conteúdo, desde que ele também possa ajudar ao público-alvo do seu parceiro. Publique seus artigos em outros sites, participe de grandes portais como colunista, enfim: tudo isso trará tráfego qualificado para o seu site (:

Rafaela Silvestrini

Gestora de conteúdo na K2, vive para convencer o mundo que "conteúdo é vida", apertar gatinhos, comer coxinha e sofrer por personagens ficcionais.

eBook Gratuito: Planejamento Estratégico de Marketing Digital para Empresas

Leia mais posts sobre: Inbound Marketing

Como produzir conteúdo que gere conversões

Como produzir conteúdo que gere conversões

A principal tarefa de cada ação de marketing de conteúdo para e-commerce...
Como aumentar as vendas com conteúdos embutidos

Como aumentar as vendas com conteúdos embutidos

Nós já falamos diversas vezes aqui no blog da K2 sobre como um bom conte...