Desenvolvimento
Blog > Desenvolvimento

Site grátis vale a pena?

quinta-feira, 21 janeiro 2016

Quem está entrando no mundo digital pode ficar muito tentado a procurar soluções mais baratas e atrativas para o seu negócio. Afinal, buscar um bom retorno sobre investimento é um fator imprescindível para não começar com o pé esquerdo, gastando mais do que o possível. Mas, às vezes essa busca pode nos levar a resultados duvidosos, que trazem mais dúvidas do que certezas.

Fazer site sem custos é uma dessas soluções, muito procurada, porém que causa muitas dúvidas. Resolvemos tirar as principais dúvidas sobre esse tipo de escolha, que pode trazer vantagens e também desvantagens. Afinal, site grátis vale a pena ou prejudica o seu negócio?

Site grátis, Wix ou Webnode, vale a pena?

Antes de mais nada, é bom lembrar que há boas plataformas assim na internet. Algumas, como Wix ou Webnode, até oferecem layouts atrativos, bonitos, que oferecem uma boa navegabilidade ao usuário. As melhores plataformas de site gratuito geralmente oferecem mecanismos para otimização do site para o Google e outros buscadores, o que é essencial para competir no mercado. Além disso, há vários pacotes diferentes para usuários que desejam serviços customizados ou padronizados – alguns inclusive não são gratuitos. Ser gratuito não necessariamente significa ser uma completa furada!

Porém (sempre existem os “poréns” nesses casos!), esse tipo de escolha pode trazer alguns inconvenientes sérios. Vamos aos mais importantes.


eBook Gratuito: Melhores plataformas CMS para sites

Acesso ao banco de dados

Todo o material que você inclui em seu site ou e-commerce vai para um banco de dados, que pode ser acessado pelo proprietário quando bem entender ou removido para outra plataforma. No caso de um site grátis, isso não é possível, porque plataformas gratuitas são alugadas. Você pode hospedar seu site nelas, mas não é dono das informações que estão nele!

Isso pode trazer sérios problemas para quem quiser migrar seu site para um servidor de hospedagem convencional, pois os bancos de dados e códigos são inteiramente hospedados nos sites gratuitos e não podem ser removidos de lá. A coisa fica ainda mais complicada se lembrarmos que muitos empresários usam esses serviços sem saber dessas limitações de um site gratuito (pelo menos até precisarem dos dados…).

Hospedagem em subdomínio

Ao hospedar seu site em uma plataforma gratuita, é muito provável que ele seja registrado como um subdomínio da plataforma – “seusite.plataformaalugada.com.br”, por exemplo. Isso pode trazer problemas para usuários, já que é menos provável que quem busca o seu site se lembre disso. Ou seja, os acessos diretos – de usuários que entram diretamente no site, sem usar um buscador para encontra-lo – podem ficar comprometidos.

Conhecimento técnico

Esse problema também é muito recorrente. Plataformas gratuitas geralmente permitem que o proprietário efetue mudanças importantes no site, como layout, categorização, otimização para o Google etc. Mas, essas mudanças nem sempre são fáceis de se aplicar. E mais: nem todos os proprietários de sites têm esse conhecimento técnico sobre marketing digital, linguagem de programação ou webdesign. O que ocorre é que esses sites tendem a ficarem simples ou básicos demais para concorrerem no mercado. Nem precisa dizer que agências de marketing digital existem para suprir essa necessidade, né!?

E então, tiramos as suas dúvidas sobre sites gratuitos? Se quiser saber mais sobre as plataformas de e-commerce e sistemas de gerenciamento de conteúdo para sites mais usados no mercado, produzimos dois e-Books sobre isso. Estão imperdíveis!

Willian Casagrande

Jornalista, músico e amante de cafés com pouco açúcar.

eBook gratuito: Plataformas Open Source para CMS

Leia mais posts sobre: Desenvolvimento

Saiba por que escolher uma boa hospedagem para site

Saiba por que escolher uma boa hospedagem para sit...

Imagine a seguinte hipótese: você já está implementando uma série de m...
Seus visitantes estão saindo do seu site? Saiba como evitar

Seus visitantes estão saindo do seu site? Saiba c...

Sites de empresas são como vitrines de lojas físicas. Se o seu site não ...